Dermolipectomia de Braço

Cirurgia do Braço (Dermolipectomia Braquial)

Informações relevantes sobre cirurgia plastica dos braços, dermolipectomia dos braços, dermolipectomia braquial, lipoaspiração dos braços, cicatriz, recuperação, resultados, complicaçoes, tudo sobre o assunto.

Indicação: 


Após grandes emagrecimentos, alternância de períodos de ganho e perda de peso, ou com o passar da idade, é comum que ocorra um abaulamento flácido da porção posterior do braço. Isto se deve ao excesso de pele formado pelo estiramento desta durante o período de sobrepeso ou da perda de turgor da pele devido à idade. Por ser a pele posterior do braço relativamente fina, ela não contrai o suficiente após a perda ponderal, acarretando o excesso de pele local. A dermolipectomia braquial (do braço) visa retirar este excesso de pele, proporcionando um contorno do braço mais natural e menos flácido..
Cirurgia do Braço (Dermolipectomia Braquial)

Tipo de anestesia: 

Geralmente a anestesia local + sedação.

Técnica Cirúrgica – Ilustrações
Cirurgia do Braço
Clique na imagem e veja mais.

Tempo de internação:

Geralmente 12 horas.

Pós-operatório:

O paciente deve evitar o excesso de movimentos, principalmente levantar os braços por 30 dias, visto que a cicatriz se encontra na axila e na parte de dentro dos braços e será forçada nestes casos. Quanto menor for a tração sobre a cicatriz, menor será o seu alargamento.

Cirurgia do Braço (Dermolipectomia Braquial)

Complicações:

Dentre as complicações possíveis, porém incomuns, podem ser citados: hematoma, seroma, infecção, necrose (sofrimento da pele), deiscência (abertura da sutura), quelóide, alteração de sensibilidade.

Resultado definitivo:

O resultado definitivo da dermolipectomia dos braços é atingido somente após 6 meses da cirurgia, período necessário para a acomodação dos tecidos e amadurecimento da cicatriz (pode demorar até mais de 12 meses para clarear a cicatriz).

Informações sobre Cirurgia Plástica

Cirurgia plástica nos braços – Dermolipectomia Braquial

1) A cirurgia dos braços deixa cicatriz muito visível?

A cicatriz resultante de uma dermolipectomia de braço localiza-se próxima à prega axilar (dobra da axila). Quando há grande excesso de pele também é necessária uma cicatriz vertical estendendo-se pela face interna do braço, a qual apresentará maior ou menor extensão dependendo do volume de pele excedente a ser corrigido. É comum o alargamento da cicatriz, devido ao local e à pele fina.

2) Como é a evolução da cicatriz?

A cicatriz passa por diversas fazes, até chegar ao amadurecimento, quando se apresenta mais clara e menor perceptível.


a- PERÍODO IMEDIATO: Vai até o 30º dia e apresenta-se com aspecto excelente e pouco visível. 

b- PERÍODO MEDIATO: Vai do 30º dia até o 6º mês. Neste período haverá espessamento natural da cicatriz, bem como mudança na tonalidade de sua cor, passando de “vermelho” para o “marrom”, que vai, aos poucos, clareando. Este período, o menos favorável da evolução cicatricial, é o que mais preocupa as pacientes. Como não podemos apressar o processo natural da cicatrização, recomendamos às pacientes que não se preocupem, pois o período tardio se encarregará de diminuir os vestígios cicatriciais. Nessa fase é importante não tomar sol na cicatriz para esta não ficar definitivamente escura. 

c- PERÍODO TARDIO: Vai do 6º ao 12º mês. Neste período, a cicatriz começa a tornar-se mais clara e menos consistente atingindo, assim, o seu aspecto definitivo. Qualquer avaliação do resultado definitivo da cirurgia só deverá ser feita após este período.

3) A dermolipectomia de braço corrige o excesso de gordura localizada da região?

A cirurgia retira pele e a gordura apenas que esteja abaixo da pele retirada. Tem grande importância, sob este aspecto, a espessura do panículo adiposo (espessura da gordura) que reveste o corpo. Dependendo do caso, poderá ser associada uma lipoaspiração no local junto com a dermolipectomia dos braços, para retirar mais gordura.

4) Há perigo nesta operação?

Raramente a cirurgia de dermolipectomia braquial traz sérias complicações, desde que realizada dentro de critérios técnicos. Isto se deve ao fato de se preparar convenientemente cada paciente para o ato operatório, além de ponderarmos sobre a conveniência da associação desta cirurgia simultaneamente a outras. Porém para que os riscos sejam mínimos é necessária à observação das orientações pré e pós-operatórias do cirurgião.

5) Que tipo de anestesia é utilizada para esta operação?

Geralmente a local com sedação.

6) Quanto tempo dura o ato cirúrgico?

Em média 3 horas.

7) Qual o período de internação?

Um dia(evolução normal).

8) São utilizados curativos?

Sim. Curativos periódicos.

9) Quando são retirados os pontos?

Quando houver pontos a serem retirados, estes o serão de 7 a 15 dias.

10) Quando poderei tomar banho completo?

Geralmente no dia seguinte da cirurgia. Deve-se evitar banhos quentes e demorados, para evitar sangramento e aumentar o inchaço.

11) Qual é a evolução pós-operatória?

Você não deve se esquecer que, até que se consiga atingir o resultado almejado, diversas fases são características deste tipo de cirurgia. Entretanto, poderá lhe ocorrer alguma preocupação no sentido de “desejar atingir o resultado final antes do tempo previsto”. Seja paciente, pois seu organismo se encarregará de dissipar todos os pequenos transtornos intermediários que, infalivelmente chamarão a atenção de alguma de suas amigas que não se furtará à observação:“//SERÁ QUE ISTO VAI DESAPARECER MESMO?//”– É evidente que toda e qualquer preocupação de sua parte deverá ser a nós transmitida. Daremos os esclarecimentos necessários, para sua tranqüilidade. Em tempo: Em algumas pacientes, ocorre uma certa ansiedade nesta fase, decorrente do aspecto transitório (edema, insensibilidade, transição cicatricial, etc.). Isto é passageiro e geralmente reflete o desejo de se atingir o resultado final o quanto antes. Lembre-se que nenhum resultado deverá ser considerado como definitivo antes dos 06 aos 12 meses.

12) É possivel associar a dermoliectomia dos braços a outras Cirurgias Plásticas?

Geralmente sim. É freqüente a associação com lipoaspiração, mamoplastia, abdominoplastia ou outras cirurgias plásticas. A possibilidade de associação dependerá do porte da cirurgia com um todo e logística de recuperação.

13) O que significa dermolipectomia?

Dermo = Pele; Lipo = Gordura; Ectomia = Retirada. Logo, dermolipectomia braquial significa retirada de pele e gordura dos braços.